Disqus Shortname

Dica | 5 filmes de terror para assistir em casa

Hoje trago para vocês uma lista com cinco filmes de terror para os mais diversos gostos. Já aviso que não são filmes muito recentes, porém são fáceis de encontrar pela internet, em serviços de TV por assinatura ou de streaming. Espero que gostem.

1. A Maldição da Floresta (The Hallow) (2015)


Sinopse: Adam Hitchens (Joseph Mawle) é um conservacionista inglês que é enviado para a Irlanda para estudar as florestas que devem ser derrubadas para darem lugar a construções. Um mês após a mudança ele, sua esposa e seu filho começam a ser perseguidos por criaturas que vivem nas florestas e que não estão nada satisfeitas nem com a invasão e nem com a ameaça de terem seus lares destruídos.

Indico "A Maldição da Floresta" para pessoas que gostam de filmes de terror no estilo Guillermo del Toro, com criaturas míticas que parecem ter saído de um livro de lendas e mitologia irlandesa. O filme foi dirigido e co-escrito por Corin Hardy que ama histórias de contos de fadas, além de ser fã do famoso Ray Harryhausen (de quem era amigo próximo) que foi, entre outras coisas, o criador de uma técnica de stop-motion chamada de Dynamation. Corin Hardy disse ter se inspirado em filmes como "Evil Dead", "Alien" e "A Coisa". O filme foi inteiramente rodado nas florestas da Irlanda porque o diretor queria que parecesse o mais real possível. A Maldição da Floresta sem dúvidas é daqueles filmes que mantem a atenção do espectador presa do começo ao fim. Está disponível na Netflix, caso você seja assinante, mas deve procurar pelo seu título original "The Hallow".

2. Gritos Mortais (Dead Silence) (2007)


Sinopse: Jamie Ashen (Ryan Kwanten), um jovem viúvo volta a sua terra natal em busca de respostas para o terrível assassinato de sua esposa que pode estar relacionado a uma antiga lenda sobre o fantasma de uma ventríloqua.

Indico "Gritos Mortais" para quem gosta de filmes com bonecos amaldiçoados e lendas sobre espíritos vingativos. O filme foi dirigido por James Wan e é bem diferente dos filmes da franquia "Jogos Mortais", que também foram dirigidos por ele. Gritos Mortais é um filme que já assisti algumas vezes nos canais de tv por assinatura e eu sei que vocês podem encontrá-lo em qualquer lugar. E cá para nós, o plot twist no final é um dos mais legais que já tive o prazer de assistir.

3. Possessão (The Possession) (2012)


Sinopse: Uma garotinha compra uma antiga caixa de madeira em uma venda de jardim sem saber que aquela é uma caixa Dybbuk que abriga um antigo espírito malévolo. Clyde (Jeffrey Dean Morgan), o pai da garota, ao perceber as mudanças no comportamento de sua filha e a estranha obsessão por aquela caixa, une-se a sua ex-esposa para descobrir uma maneira de dar um fim ao mal que tomou conta de sua filha.

Indico o filme "Possessão" para quem gosta de filmes de possessão e exorcismo. Fica mais interessante depois se você ler uma série de artigos que eu escrevi sobre a verdadeira história da caixa Dibbuk antes mesmo de saber que o filme existia. Inclusive, você pode ler uma pequena resenha que fiz sobre esse filme dirigido por Ole Bornedal clicando aqui.

4. Hush: A Morte Ouve (Hush) (2016)


Sinopse: "Hush: A Morte Ouve" é um filme de 2016 dirigido por Mike Flanagan que conta a história de uma jovem escritora que perdeu a audição e que mora sozinha em uma casa no campo. Tudo parece estar correndo bem até o momento em que ela se vê as voltas com um assassino mascarado que não vai deixá-la em paz enquanto não conseguir o que quer.

Indico para quem gosta de filmes de terror e suspense psicológico e para quem tem um coração saudável porque a tensão rola do início ao fim. Já falei sobre este filme aqui há algum tempo. Caso tenha curiosidade, você pode ler sobre ele aqui. O filme ainda está disponível para os assinantes da Netflix.

5. O Babadook (The Babadook) (2014)


Sinopse: Mesmo após seis anos, Amelia (Essie Davis) ainda não superou a morte trágica de seu marido, Oskar (Ben Winspear), que foi a vítima fatal do acidente que sofreram quando estavam a caminho da maternidade para dar a luz a Samuel (Noah Wiseman), o único filho do casal. Para ajudar, Samuel é uma criança com um comportamento diferente, agressivo e hiperativo. Certa noite, Samuel pede para a sua mãe ler um livro que encontrou em sua estante. Sem saber do que se tratava, Amelia acaba por tomar conhecimento da história do Sr. Babadook, uma entidade sobrenatural que passa a atormentar todos aqueles que tem conhecimento da sua existência através daquele livro.

Indico "O Babadook" para quem gosta de filmes de terror psicológico porque apesar da sinopse nos levar a crer que se trata de algo sobrenatural, acredito que muita coisa ali possa ser explicada racionalmente. O filme foi escrito e dirigido pela australiana Jennifer Kent. Se você tem problemas com personagens irritantes, não recomendo esse filme, porque o garoto Noah Wiseman realmente conseguiu convencer em seu papel de criança problemática. Esse filme também está disponível para assistir na Netflix.